As 6 dicas para obter poder – Jeffrey Pfeffer (Fonte: www.hsm.com.br)

27/03/2013 at 8:41 AM Deixe um comentário

 

 

Jeffrey Pfeffer, renomado professor de Stanford, afirma que “liderar não é o mesmo que ter poder, mas ninguém ocupa uma posição de liderança sem tê-lo conquistado”.

 

Liderar não é o mesmo que ter poder, mas ninguém ocupa uma posição de liderança sem tê-lo conquistado. Para Jeffrey Pfeffer, o poder, definido como a capacidade de fazer com que as coisas sejam realizadas da maneira como se deseja, não é para todos.

Professor renomado da Stanford University, Pfeffer será um dos palestrantes do Fórum HSM Gestão e Liderança 2013, que acontecerá nos dias 2 e 3 de abril em São Paulo. Estudioso das organizações, ele é autor de Power: why some people have it – and others don’t (ed. HarperCollins), no qual aborda o tema poder.

Em entrevista concedida à HSM Management, o professor explica que, para ter poder, é preciso capacidade de perceber o outro e grande ambição e vontade de ser bem-sucedido. É ainda necessária a força para superar a oposição dos outros e as próprias resistências a fazer o que é exigido para sustentar o poder.

“Cada um de nós é melhor ou pior em algo; então, a primeira coisa que se deve fazer é uma avaliação razoavelmente objetiva dos próprios atos e trabalhar as fraquezas”, afirmou. Para ajudar nessa autoavaliação, convém levar em conta as recomendações de Pfeffer para a conquista do poder nas instituições. Eis aqui algumas.

  1. Escolher onde começar a carreira. O lugar onde uma pessoa começa a carreira é condicionante de aondechegará. Um bom lugar é aquele em que há menos concorrência, ou menos pessoas talentosas exigindoatenção. Deve-se tentar também estar num lugar em que ainda não há ação, mas logo haverá. “É o caso deentender quais serão as necessidades da organização e estar nesse lugar para ter a oportunidade de influir”, observa o autor.
  2. Agradar o chefe. Quando a pessoa desagrada o chefe, um bom desempenho não a salvará. Então, é preciso“descobrir quais são os interesses do chefe e mostrar o que se tem em comum com ele, além de tratá-lo como devido respeito e recorrer a ele em busca de ajuda”.
  3. Construir redes. Trata-se de saber quem são as pessoas com quem é preciso estar de acordo e avançarnessa direção. Isso implica abandonar a zona de conforto e abrir-se ao contato com outros que não se conhecebem. Como se faz isso? “Apenas aproximando-se e pedindo ajuda, fazendo perguntas, estando em contato comas pessoas, reunindo-se”, explica Pfeffer, que aconselha a reunião em grupos pequenos, para que as pessoasse lembrem umas das outras e tenham conversas significativas.
  4. Promover-se. A autopromoção é fundamental porque objetiva tornar a pessoa sempre visível e fazer comque os outros saibam que está sendo realizado um trabalho de qualidade.
  5. Construir uma reputação. A reputação é formada com a visibilidade. É preciso estar exposto ao público. Pode-se tornar uma pessoa conhecida por meio de publicações em diferentes mídias, como os blogs, ou pelaconcessão de entrevistas. “Importam tanto as aparências como os fatos.”
  6. Demonstrar autoridade pela postura. Ficar em pé ereto, inclinar-se para frente, mover-se com firmeza eempregar gestos seguros são sinais de postura corporal que indica autoridade. Um alerta: “Gritar e bater namesa não estão na lista, não combinam com gestos seguros…”.

Pfeffer reconhece que é utópico pensar em seguir simultaneamente essas sugestões e as demais que compõem seu livro, mas afirma que quem busca conquistar poder tem de tê-las em mente e agir coerentemente. A atitude oposta é não fazer nada e apenas esperar que, em algum momento, o reconhecimento venha.

 

Referência:

ALONSO, Viviana. “Poder: por que uns têm e outros não”. HSM Management, ed. 87, jul.-ago. 2011. p. 68.

Anúncios

Entry filed under: Gestão.

Curso Sindigraf-RS (Porto Alegre) – Material de Apoio Reduzindo incertezas – dois cenários para o Brasil 2013-2014 – Claudio Porto – Fonte: www.hsm.com.br

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


março 2013
D S T Q Q S S
« fev   abr »
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  
Participe com seus comentários!!! Divulgue o blog!! Vamos criar mais um fórum de debates da indústria gráfica!

Tópicos recentes

Feeds


%d blogueiros gostam disto: