A “cola” acadêmica e a ética – Blog da Reitoria do Centro Universitário Belas Artes de São Paulo

18/09/2012 at 8:31 PM 2 comentários

 

Tem sido comum, nos últimos anos, a identificação da cola ou cópia, integral ou parcial, de trabalhos de conclusão de curso, dissertação de mestrado ou tese de doutorado na produção dos mais variados textos de diversos trabalhos acadêmicos, inclusive esses citados. Fato que não acontece somente na educação superior. Segundo alguns dados divulgados pela imprensa, há mais de cinco anos, a cola é comum na educação básica.

A cola é geralmente tolerada, sendo considerada uma falta menor do estudante, sem análise em profundidade do problema. A questão envolve valores éticos e morais que devem estar presentes na formação integral do ser humano, em qualquer nível educacional, desde a educação infantil.

A educação superior tem o objetivo constitucional de formar o cidadão, “visando ao pleno desenvolvimento da pessoa, seu preparo para o exercício da cidadania e sua qualificação para o trabalho” (Art. 205). Não pode, assim, ser conivente com essas transgressões.

O que causa estranheza é que o fenômeno ocorre, com mais frequência, na educação superior e, mais, em níveis de pós-graduação. A tolerância que cerca essa falta grosseira permite a sua disseminação, comprometendo o processo educacional.

Gestores acadêmicos e professores devem ficar atentos a essas transgressões da normalidade no processo de aprendizagem, atuando com energia para coibir esses abusos. A prevenção deve ser um antídoto usado regularmente, com ênfase no início dos períodos letivos, informando aos estudantes claramente quais as consequências dessa falta grave.

Os estudantes, numa sociedade permissiva como a nossa, onde a impunidade passa a mensagem de que a cola é um crime menor, como roubar galinhas, devem ser despertados para a gravidade dessa falta acadêmica. E mais, devem ter a consciência de que essa transgressão pode influenciar negativamente as suas ações e atitudes, em sua vida profissional e nas relações humanas.

Geralmente, combatemos a corrupção, sem atentar que a cola é uma das manifestações corruptas do ser humano, a merecer a redobrada atenção de educadores, gestores e estudantes.▪

Anúncios

Entry filed under: Geral.

Curso ABTG – Planejamento e Controle da Produção – Material de Apoio As “Sete Perguntas Capitais” para a garantia da previsibilidade dos resultados de sua empresa (Fonte: Livro “TQC – Controle de Qualidade Total” de Vicente Falconi)

2 Comentários Add your own

  • 1. J.C.Cardoso  |  19/09/2012 às 1:07 PM

    Não sei se chega a ser um crime maior (por oposição a “crime menor”). Na verdade, acho que não chega mesmo a ser crime. Mas é, no mínimo, uma atitude “antiacadêmica” (se é que essa palavra existe) e de pouco profissionalismo.
    Não gosto de falar em “ético/antético”, não porque eu seja antiético, mas porque os que mais tocam nessa palavra são, justamente, os que menos praticam.
    Descobri, com o tempo, que “profissionalismo” é uma palavra que agrada a várias áreas de vários níveis e que, implicitamente, engloba ética.
    O bom profissional é, necessariamente, ético para ser bom.
    Mas ser ético na carreira, no ofício e na vida não é garantia de ser bom profissional.

    Responder
  • 2. Nelson  |  25/09/2012 às 12:01 PM

    Acho que a questão começa quando nos deparamos que, em minha opinião, também existe uma conivência ou aceitação (se assim pode-se dizer) dos que aceitam isto. Vemos todos os dias “coisas” que acontecem em uma sala de aula que acabam não por incentivar estas atitudes, mas que facilitam estea atos. Mas as coisas podem mudar. Só dependem de nós.

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


setembro 2012
D S T Q Q S S
« ago   out »
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30  
Participe com seus comentários!!! Divulgue o blog!! Vamos criar mais um fórum de debates da indústria gráfica!

Tópicos recentes

Feeds


%d blogueiros gostam disto: