A importância do patriarca na empresa familiar – (Fonte: www.hsm.com.br)

02/09/2011 at 12:53 PM 1 comentário

Ele representa as características que consolidam a organização, mas deve mediar conflitos entre parentes e escolher o herdeiro ideal para sucedê-lo

A imagem de uma empresa familiar está vinculada diretamente à personalidade de seu fundador. Os princípios e valores adotados e consolidados pelo patriarca durante sua gestão influenciam diretamente o modo como este tipo de corporação se relaciona com clientes, funcionários e comunidade.

Segundo Domingos Ricca, consultor especializado em empresas familiares, a identidade desse tipo de empresa é pautada em quatro pilares que são construídos por seus fundadores ao longo do tempo:

Palavra/Credibilidade – É tudo o que o fundador tem no início do negócio. Garante que os clientes depositem confiança em suas ações, gerando fidelização;

Perseverança – Todo o esforço que realizou para a consolidação da empresa e que deve servir de exemplo para as gerações futuras;

Liderança/Carisma – Conquistadas por características pessoais somadas à sua trajetória de vida;

Cultura empresarial – Formada pelos três itens acima, representa os valores que deverão ser preservados pelos sucessores para a perpetuação da empresa.

Em empresas familiares, a figura do patriarca se torna uma fonte de conhecimento e inspiração para a equipe e se transforma em vantagem competitiva.

“Isso porque, a fidelização e a credibilidade conquistadas pelo fundador são os grandes diferenciais das empresas familiares no mercado. Além disso, estas corporações também são baseadas em uma forte característica, peculiar nos patriarcas, que é uma boa intuição, que é o feeling para o comando dos negócios”, afirma Ricca.

O consultor também explica que intuição, liderança e carisma são características pessoais que podem ser desenvolvidas com o tempo. Por isso, a grande missão do fundador de uma empresa familiar está em escolher um sucessor compatível com estes atributos e acompanhá-lo de perto durante todo o processo de transição.

O ideal é que o sucessor passe por programas de treinamento para conhecer todos os processos da empresa para compreender a importância de se levar adiante a cultura estabelecida pelo patriarca da instituição, sabendonevitar conflitos de ego e poder no futuro.

“Se ele não estiver totalmente preparado não conquistará o respeito necessário com clientes, funcionários e fornecedores da empresa”, diz Ricca.

A passagem de bastão

O sucessor também deve ter em mente que, durante sua gestão, o fundador lida com desafios que vão além da administração do capital financeiro e humano, pois levam em conta a força dos laços afetivos presentes na família.
Por isso, o modo como ele irá administrar os conflitos de interesse e o desempenho da equipe quando assumir o cargo poderá interferir diretamente no futuro da empresa.

Quando a governança corporativa é exercida pelo chefe da família, dúvidas e conflitos tendem a ser mais facilmente resolvidos. “Entretanto, quando ocorre a falta do chefe, a governança torna-se vulnerável e os interesses individuais afloram e os conflitos surgem com mais frequência.”

Os conflitos durante processos de transição é um dos fatores que estão levando fundadores a procurarem ajuda de consultorias especializadas em gestão de empresas familiares. Além do treinamento para os sucessores, as empresas podem auxliar também no desenvolvimento de conselho administrativo, no estabelecimento de um estatuto e na formação de diretoria para a profissionalização da empresa.

Café em família

Em 1972 os irmãos Francisco Antônio Conte (o Fran), e José Roberto Conte, inauguraram a primeira cafeteria do que vem a ser hoje uma das maiores redes de franchising do país, o Fran’s Café. Em 1988, eles associaram-se ao amigo de infância José Henrique Ribeiro e inauguram a primeira unidade na capital paulista.

Com os três diretores atuantes, o Fran’s Café é uma empresa que acredita no valor da família para o bom desenvolvimento da rede e conta com o trabalho, dedicação e aprendizado de Francisco, filho de Fran, e de Gabriela, filha de Henrique, para o sucesso da empresa no futuro.

Para Gabriela Ribeiro, que começou a trabalhar dentro de uma unidade da rede em 1997 e hoje é gerente de talentos humanos e qualidade, o desafio de assumir a empresa um dia não a assusta, pois será apoiado pelos preceitos que aprendeu com seu pai ao longo dos anos:

“Ele me ensinou a ser transparente, respeitar o ser humano, ter simplicidade nas decisões e saber falar não na hora certa. Estes princípios fazem com que o negócio dê certo a cada dia e que devem permanecer conosco no futuro”, afirma.

A profissionalização, que veio como consequência de seu desenvolvimento, não impediu que a empresa mantivesse a característica familiar também entre os membros da equipe. Gabriela conta que não há restrições para que parentes de funcionários participem dos processos seletivos, e por isso, não é difícil encontrar irmão, primos, ou marido e mulher que trabalham para a rede.

“Com isso, fazemos da equipe uma grande família e mantemos o sentimento de união que sempre foi valorizado pelos patriarcas da empresa. Além disso, as unidades da franquia também são em geral constituídas por famílias. Fazer regras contra isso seria totalmente ir contra nossos valores”, conclui Gabriela.

Portal HSM

Anúncios

Entry filed under: Gestão.

Criatividade!! Curso ABTG – Cálculo de Tinta (Spanks) e Cálculo do Burden (em planilha Excel)

1 Comentário Add your own

  • 1. J.C.Cardoso  |  02/09/2011 às 1:58 PM

    Sem dúvida. Como acho que já comentei em outros posts antigos, o problema é quando o patriarca ou matriarca morre. Em geral, os filhos acabam metendo o pau no empreendimento, ou por não terem jeito para negócios ou por não terem sofrido para lucrar…

    Resposta

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


setembro 2011
D S T Q Q S S
« ago   out »
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930  
Participe com seus comentários!!! Divulgue o blog!! Vamos criar mais um fórum de debates da indústria gráfica!

Tópicos recentes

Feeds


%d blogueiros gostam disto: