A morte do “Jornal do Brasil”

23/07/2010 at 10:08 AM 4 comentários

Anunciada a morte do Jornal do Brasil

Amanhã, em sua edição no papel, o “JB” irá publicar um comunicado esclarecendo os motivos que levaram o jornal a tomar a decisão de migrar para o meio eletrônico

O empresário Nelson Tanure afirmou que o “Jornal do Brasil” já fechou o dia que deixará de circular no formato impresso, após 119 anos de existência. Será a partir de primeiro de setembro, quando o tradicional jornal carioca sairá apenas na internet (versão online).

Amanhã, em sua edição no papel, o “JB” irá publicar um comunicado esclarecendo os motivos que levaram o jornal a tomar a decisão de migrar para o meio eletrônico. Segundo o empresário, a decisão foi tomada, a partir de uma pesquisa na qual os leitores aprovam a ideia. O comunicado irá mostrar os resultados da pesquisa.

Tanure informou ainda que essa também é uma decisão que ele considera política e ecologicamente correta. “Para cada 100 mil jornais que são impressos, 60 mil são vendidos e 40 mil são jogados fora”, diz Tanure. “É um desperdício fantástico”.

Tanure também não esconde o fato de nunca ter conseguido fechar no azul com o “JB”, desde que assumiu o jornal, no final de 2001. O jornal, segundo ele, sempre deu prejuízo. Assim como a “Gazeta Mercantil”, que também foi de sua propriedade e acabou fechando. “É muito difícil um jornal sério dar lucro, principalmente no Brasil”, diz Tanure.

O empresário afirmou que essa mudança no “JB” será seu último lance na mídia.

Fonte http://www.tudonahora.com.br – Data 13/07/2010

Anúncios

Entry filed under: Geral.

Concentração x Novas Tecnologias de Comunicação 8º Semestral – TCC’s – Cronograma 2º Semestre 2010

4 Comentários Add your own

  • 1. Reinaldo Neto  |  23/07/2010 às 12:45 PM

    Será o primeiro de muitos ???
    Acredito que muitos jornais locais e de baixa circulação se tornarão gratuitos, e portanto, serão cheios de anunciantes.

    Sinceramente, hoje para a minha atualidade, quando leio o Metro já fico bastante contente, porque a maioria das notícias leio na web.

    Fico triste porque certamente teremos alguns profissionais desempregados.

    Saudações.

    Responder
    • 2. flaviobotana  |  23/07/2010 às 2:32 PM

      Só com uma pequena correção: ele não é o primeiro de muitos. Veja que no artigo foi citado também a “Gazeta Mercantil”. Outro tradicional jornal que também morreu…

      Responder
      • 3. Reinaldo Neto  |  23/07/2010 às 6:06 PM

        Verdade !

        Putz, então foi o segundo colocado, medalha de prata. brincadeiras a parte, reforço a minha opinião citada no comentário anterior.

  • 4. Robson Xavier de Carvalho  |  26/07/2010 às 12:07 AM

    Poxa vida, outra vez na mão dele? Será que é o caminho de todos os jornais a curto prazo ou essa mídia ainda tem lenha para queimar?
    Em 19 anos no mercado vi muitas falências gráficas serem justificadas por fatores externos ou por causa de algum único incompetente crucificado e acusado sozinho por todo o mal.
    Na minha opinião sempre há uma soma de erros (como em acidentes aéreos por ex.) que quase sempre estão ligados a caprichos pessoais e decisões emocionais de quem deveria ter pensado primeiramente na empresa.
    Uma soma de burrices, de alguns burros associados, é isso.

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


julho 2010
D S T Q Q S S
« jun   ago »
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031
Participe com seus comentários!!! Divulgue o blog!! Vamos criar mais um fórum de debates da indústria gráfica!

Tópicos recentes

Feeds


%d blogueiros gostam disto: